Eternos

Amigos Eternos:

Popó: Sem ele o Gatil LuxVitae talvez nunca tivesse existido, ele foi nossa fonte de inspiração, nosso “Primo Amore”, ele nos ensinou a amar incondicionalmente, a aceitar as diferenças. Foram 16 anos de muitas alegrias!

 

 Willy: Pensa em um cachorro tinhoso, pensou? Então multiplica por 100 e teremos o Willy….kkkk. Saudades eternas desse branquelo que nos acompanhou por 15 anos, inteligente, carinhoso, marrento, birrento. Fizemos de tudo pra ficar com ele e não nos arrependemos por nenhum segundo.

Laila: Ela pensava que era um poodle!!!! Uma delicadeza que não combinava com o tamanho, dócil, amada, inteligente, iluminava nossas vidas e nos guardava com tanto zelo e amor que ainda hoje faz muita falta. Partiu cedo, deixou muitas saudades.

Kathy: Nossa branquela linda de olhos impares, um anjo em forma de gato, trouxe muita alegria para nossas vidas.

 

 

Dara: Uma pequena valente! Uma bonequinha de extrema doçura, era um xodó, adorava um colinho, se derretia toda.  Nos deixou aos 13 anos, foi uma despedida muito difícil, muito sofrida. Mas tenho certeza que durante o tempo em que viveu conosco foi muito amada!

Armani: Nosso primeiro padreador exótico, tinha um temperamento excelente, vivia na volta, pedindo carinho, dando atenção. Era um lord, um lindo, um fofo…

 

Thor: Pensa num rottweiller mimado, era ele. Um doce com as pessoas da casa, um guardião de primeira, inteligente, perspicaz e muito arteiro, os varais da casa nunca mais foram os mesmos depois dele. Partiu cedo, um mês antes da Laila, eram tão amigos que foram brincar juntos no céu dos cachorros.  

Saphira: Uma das primeiras namoradas do Popó, era muito sapeca, carinhosa e delicada. Nos deixou netos lindos e também muita tristeza quando partiu. Sassázinha, tu foste única.

Habib: Ele era muito engraçado, trazia muita alegria para todos, vivíamos rindo das coisas que ele fazia. “Bibinho” amado, era todo delicado.

Amore: Ele era um amor  mesmo, lindo, carinhoso, brincalhão. Deve ter enfeitado o céu por onde passou. Desde que nasceu era especial e talvez por isso ficou tão pouco entre nós.

Pom-Pom: Uma princesinha que ficou tão pouco tempo em nossas vidas, um presente precioso. Inteligente, delicada, carinhosa, só não gostava de beijo. Em tão pouco tempo